A Tubarão Saneamento completa seis anos de atuação em Tubarão neste mês. Desde 2012, a empresa trabalha para alcançar seus objetivos, contribuindo para a melhoria da qualidade e da distribuição da água. Tendo em seu corpo técnico uma equipe dinâmica e competente, a responsabilidade socioambiental e a qualidade no atendimento são diferenciais que marcaram a trajetória da Tubarão Saneamento. Para marcar a data, a concessionária lançará na semana que vem o pacote de investimentos para este ano, que contempla as obras de esgoto. Contabilizando mais de 43 mil residências conectadas à rede de fornecimento de água, a empresa atende aproximadamente de 102 mil pessoas. A universalização do acesso à água até 2042 e a implantação do sistema de esgotamento sanitário da cidade são motivos de comemoração por todos nós. Parabéns, Tubarão Saneamento.

POLÊMICA À VISTA

Em função do vereador Douglas Antunes ter apresentado na Câmara de Tubarão um projeto dando ao Parque Linear construído junto à arena Estêner Soratto o nome de Luiz Henrique da Silveira, em homenagem ao ex-governador e ex-senador, críticas surgiram nas redes sociais, porque muitos nomes de tubaronenses teriam sido deixados de lado. Um dos nomes que apresentaram com insistência foi o do professor Vicente Schilickmann Rottgers. O que muitos não sabiam é que o professor já dá seu nome ao Ginásio de Esportes da Unisul, inaugurado em 11 de setembro de 1987. O ginásio é parte do Complexo Esportivo da universidade e acomoda cerca de mil pessoas. Outro nome que surgiu também foi o do ex-prefeito de Tubarão e ex-deputado Stélio Cascães Boabaid. Até a conclusão da obra, provavelmente outros nomes aparecerão. Será um abacaxi que a Câmara terá que descascar.

PIONEIRO NA REGIÃO

Em Capivari de Baixo, a Polícia Militar, sob o comando do primeiro tenente Alan Pereira Wiggers, está colocando em prática um projeto pioneiro em toda a 8ª Região da PM, que visa à diminuição dos acidentes e ao maior respeito à legislação de trânsito. Estamos nos referindo ao projeto da polícia que passará a fiscalizar o trânsito por meio do sistema de videomonitoramento da cidade, em conformidade com o Código de Trânsito e Resoluções do Contran. No momento, as placas de sinalização estão sendo afixadas indicando o serviço e, tão logo tudo esteja concluído, o trabalho será iniciado. Segundo o comandante do pelotão de Capivari, o primeiro tenente Wiggers, a intenção é deixar tudo pronto em duas semanas. São poucas as cidades no Brasil a contar com este serviço já regulamentado desde 2014. Vale lembrar que infrações pelo monitoramento podem ser passíveis de multas, de acordo com a lei.

TOMA LÁ, DÁ CÁ

Apesar de suas lideranças dizerem publicamente que não brigaram pela indicação do secretário da Agência de Desenvolvimento Regional de Tubarão, a verdade é que nos bastidores o trabalho de membros do MDB foi grande, mas sem resultado. Desde que Eduardo Moreira assumiu o governo, a cúpula do MDB começou a fazer lobby para indicação de um de seus filiados. O nome do ex-presidente da Câmara e ex-vereador Edson Firmino chegou a ser manchete nos jornais. A indicação do vereador de Braço do Norte, Ricardo Medeiros, pertencente ao PSD, foi uma ducha fria nas pretensões dos emedebistas. A influência do ex-deputado Júlio Garcia no episódio foi notória e cabe uma explicação. Eduardo deseja a ala de Júlio integrada na chapa do seu partido na eleição de outubro, e por isso não quer nenhuma desavença. Aliás, Júlio e seu pessoal podem ser a surpresa das próximas semanas em nossa política.

  • Um Balanço apresentado pelo governo federal dá conta de que o Brasil possuía 250 mil presos sem condenação em qualquer instância em 2014. Um levantamento do ano passado, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), mostrou que os presos provisórios representam, ao menos, 34% da população carcerária. Do total, 29% dos provisórios são acusados de tráfico de drogas; 7% de furto; e 4% de receptação. Homicídios respondem por 13% do total.
  • Vereador Gelson Bento teve a aprovação, na Câmara de Tubarão, de projetos de lei que denominam de rua José Higino Goulart uma via pública no bairro Andrino e de Arthur Peicher de Carvalho uma praça localizada no bairro Oficinas. O vereador Maurício da Silva aprovou um projeto que institui o dia 28 de fevereiro como o “Dia de Intensificação da Prevenção e do Combate ao Bullying”.
  • Governador Eduardo Moreira autorizou a liberação de R$ 5 milhões para a recuperação do Grupo Escolar Jerônimo Coelho, prédio histórico do governo Vidal Ramos, em Laguna. Acontece que a secretaria de Educação não tomou as devidas providências e o prédio está sendo destruído pelos usuários de drogas.
  • Deputado federal Jorge Boeira (Progressistas) repassou oficialmente ao Hospital Santa Teresinha, de Braço do Norte, o valor de R$ 4,8 milhões, referente à emenda parlamentar em tramitação desde 2016. O recurso é destinado à compra de equipamentos. Em nome do hospital, o vice-presidente Pedro Michels agradeceu ao parlamentar pelo recurso.
  • Seguindo sua política de qualidade, a Cergral (Cooperativa de Eletricidade de Gravatal) adquiriu um novo veículo para atuação em serviços de rede. O presidente João Vânio Mendonça Cardoso, o Vaninho, quer total agilidade nos trabalhos solicitados pelos associados.
  • A Engie Brasil Energia fechou 2017 com o maior lucro entre as grandes empresas do nosso Estado. Obteve R$ 2 bilhões, 29,5% mais que em 2016. Segundo o presidente da empresa, Eduardo Sattamini, o resultado foi possível tendo em vista a diversificação de portfólio e o equilíbrio nas contratações. A Engie também comprou duas usinas e estreou na transmissão.
  • A Defesa Civil de Santa Catarina, através do trabalho de monitoramento, detectou 23 pontos com risco de deslizamento na Serra do Rio do Rastro, em Lauro Müller. O trabalho foi feito com o auxílio de um drone e por isso foi possível ver locais que antes eram totalmente desconhecidos. Portanto, quem passar pela estrada tem que ficar de olhos bem abertos.
Este artigo está em

Join the Conversation