Dois homens são presos suspeitos de homicídio e estupro de menina de 12 anos em SC

Dois homens foram presos temporariamente por suspeita de participação no estupro e assassinato de uma adolescente de 12 anos, informou o Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco). Os crimes ocorreram em março de 2016 e o corpo da vítima, Ana Beatriz Schelter, foi encontrado no baú de um caminhão em Rio do Sul, no Vale do Itajaí.

Um dos homens foi preso na segunda-feira (10) em Florianópolis e, o outro, na manhã da terça-feira (11) em Rio do Sul. Na casa deste último foi cumprido ainda mandado de busca e apreensão e o suspeito também acabou preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo.

Essas foram as primeiras prisões relacionadas ao crime. O inquérito foi concluído no final de 2018 sem que ninguém tivesse sido indiciado. Por causa da complexidade do caso, a 3ª Promotoria de Justiça de Rio do Sul pediu apoio do Gaeco na investigação.

Conforme o promotor Carlos Eduardo Cunha, não é possível dar mais detalhes sobre os presos para não atrapalhar as investigações. Os dois já foram ouvidos e encaminhados para o presídio de Rio do Sul. As prisões são válidas por 30 dias.

Morte

O corpo da adolescente estava com uma corda no pescoço dentro do baú de um caminhão em uma empresa às margens da BR-470. A causa da morte foi hemorragia, segundo a Polícia Civil. Ela tinha sido vista pela última vez quando seguia a pé para a escola, no começo da tarde do dia 3 de março de 2016.

Fonte: G1 SC

Este artigo está em

Join the Conversation