Gasolina mais barata no Paraguai atrai motoristas de Foz do Iguaçu, no PR

Com a gasolina mais barata no Paraguai, os postos do país vizinho têm recebido cada vez mais motoristas brasileiros que vivem na fronteira. Na comparação com o cobrado em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, a diferença pelo litro do combustível chega a R$ 1,40, uma economia de cerca de 37%.

Enquanto do lado brasileiro da fronteira o litro da gasolina comum é vendido em média por R$ 3,80, na vizinha Ciudad del Este, o litro sai pelo equivalente a R$ 2,40. Outra diferença é que no Paraguai a gasolina não tem mistura de etanol como no Brasil.

“Eu abasteço de quatro a cinco vezes, completo o tanque. Por mês isso dá uma diferença de R$ 250″, calcula a analista de sistemas Eliabe de Castro Souza. “Completei o tanque com 41 litros, deu R$ 98. Ganhei quase R$ 50 com a diferença. Compensa”, aponta outra brasileira depois de abastecer pela primeira vez no país vizinho.

No etanol, a diferença de preço é menor: 26%. No Paraguai, o litro pode ser encontrado por R$ 2,02, enquanto em Foz do Iguaçu custa R$ 2,74.

A vantagem tem levado muitos motoristas a enfrentar as filas na Ponte Internacional da Amizade para garantir um pouco de economia. Nos últimos dias, um dos postos mais próximos à fronteira, de cada dez veículos quatro são de placas brasileiras.

A diferença nos preços ao consumidor está nos tributos. Segundo a Petrobras – estatal brasileira que também distribui combustível no Paraguai -, no Brasil 38% do preço pago pela gasolina são impostos.

Fonte: G1

Este artigo está em

Join the Conversation