Grêmio derrota Atlético-MG, e encaminha título da Copa do Brasil

Na primeira partida, o time visitante surpreendeu e garantiu boa vantagem para o jogo de volta que acontece no Rio Grande do Sul. Apesar do forte apoio da torcida, o Galo não foi bem e viu o rival largar na frente. O destaque da partida foi o atacante Pedro Rocha, que fez os dois gols e depois acabou expulso.

O Atlético-MG vacilava na zaga e dava alguns espaços para os gaúchos assustarem. Foi assim que aos 29′ o Grêmio marcou pela primeira vez. O time gaúcho recuperou a bola, Maicon deu um lindo lançamento para Pedro Rocha que invadiu a área, deu um corte seco em Gabriel, e chutou sem chances para o goleiro Victor.

O Grêmio era melhor, o Galo então tentou responder, mas não conseguia furar a zaga gaúcha. Antes do fim do primeiro tempo, o Tricolor esteve mais perto de fazer o segundo do que de sofrer o empate.

No segundo tempo aos nove minutos Pedro Rocha aumentou para o Grêmio em linda jogada individual, quando recebeu no meio e carregou entre a zaga até dentro da área e tocar no canto de Victor.

O time mineiro só ganhou uma sobrevida quando, aos 20 minutos, Pedro Rocha fez falta em Carlos César e levou cartão amarelo. Como ele já havia levado um cartão na comemoração do segundo gol por tirar a camisa, acabou expulso. Com um jogador a mais, o Galo conseguiu um importante gol para a decisão. Após cobrança de escanteio, Gabriel apareceu sozinho no meio da área para pegar de primeira e fazer o gol.

No jogo de volta, o Grêmio pode até perder por um gol de diferença para ser campeão. O Galo tem que vencer por três gols de diferença. Vitória mineira por dois gols leva a decisão para os pênaltis.

Este artigo está em

Join the Conversation