Homem é vítima de golpe e perde R$ 100 mil em Santa Catarina

Um homem foi vítima de um golpe no valor de R$ 100 mil reais na cidade de Santa Helena, no Extremo-Oeste de Santa Catarina. A vítima teria comprado uma máquina agrícola em uma página de venda nas redes sociais. A ocorrência foi registrada na sexta-feira (8).

Conforme informações da Polícia Militar, o comprador contou que viu uma publicação em um grupo de rede social, numa página de compra e venda de máquinas. No anúncio constava o valor de R$ 290 mil reais, e que a máquina estaria no município de Santa Helena, com o proprietário.

O comprador foi até o local onde estava a máquina para poder olhar. Ao chegar lá encontrou o verdadeiro proprietário, mas não comentou com ele nada sobre valores, afinal já teria combinado os pagamentos com o suposto vendedor.

De acordo com apuração da polícia, a vítima teria feito três depósitos, no valor total de R$ 100 mil reais, como entrada no negócio. Após os pagamentos, o comprador foi até o município de Santa Helena por volta das 16h para poder levar a máquina que supostamente teria comprado.

Porém, ao chegar no local e conversar com o verdadeiro proprietário, este falou que recebeu dois prints de tela, como supostos pagamentos, mas que não houve entrada de dinheiro na conta.

As vítimas da fraude começaram uma discussão e chamaram a Polícia Militar, por volta das 17h30. Com a chegada da guarnição o caso foi relatado aos policiais que puderam constatar ser um possível caso de golpe configurado como estelionato.

Após a discussão, o comprador tentou conversar com o suspeito de estelionato, porém não conseguiu. O estelionatário bloqueou os dois números de contato que tinha e ainda não foi localizado.

O verdadeiro proprietário da máquina contou que colocou o equipamento à venda em uma rede social. Por meio do anúncio, um homem o chamou com o objetivo de comprar a máquina e falou que passaria a máquina para uma terceira pessoa, pois teria feito negócios envolvendo gado.

O suspeito falou que um homem iria encontrar o vendedor para ver a máquina, fechar o negócio e buscar o equipamento. O estelionatário enviou para o verdadeiro vendedor dois prints de tela dos supostos depósitos do valor do equipamento. Porém, o dono da máquina não recebeu nenhum valor na conta.

O vendedor teria ainda feito duas notas da venda da máquina, mas conseguiu cancelar apenas uma das notas. O caso agora deve ser investigado e o homem suspeito de estelionato segue foragido.

 

 

Fonte: Nd+

Este artigo está em

Join the Conversation