Saindo do papel – Deivid Arent

Na campanha eleitoral para prefeitura de Armazém, o prefeito, Zé Arent, havia prometido disponibilizar ônibus de forma gratuita aos matriculados em universidades ou cursos técnicos, disponíveis em alguns municípios da região. Outra promessa que também deve sair do papel em breve é a volta da coleta seletiva do lixo, paralisada em 2010, após um incêndio no local onde a separação de resíduos era realizada.

O primeiro projeto já esta em vigência, passados alguns meses da atual administração, a Câmara de Vereadores colocou-o em votação e aprovou, este projeto dá direito ao acesso de estudantes universitários e cursos profissionalizantes de forma gratuita ao transporte até suas unidades, como Gravatal, Tubarão, Capivari de Baixo, Braço do Norte e Orleans.

Vale lembrar que, não é de hoje que os alunos reivindicam o deslocamento gratuito, o tema também foi alvo de promessas do ex-prefeito Jaime Wensing, eleito em 2008 e reeleito quatro anos depois. O mandato chegou ao fim e o projeto não se desenvolveu, somente agora os estudantes foram atendidos.

Já sobre a volta da coleta seletiva, pouco se sabe. A grande maioria da população não está ciente das mudanças. O veículo utilizado para a coleta é o mesmo, contudo, já estão sendo utilizados os compartimentos para separação, “gaiolas”.

Resta cobrar para que uma campanha seja realizada buscando conscientizar a população da necessidade de separar o lixo. Não podemos fazer de qualquer maneira, apenas para dizer que temos a coleta seletiva, é um assunto muito sério e deve ser tratado com responsabilidade.

Este artigo está em


Join the Conversation