O nosso medo de cada dia – Arilton Barreiros

A insegurança tomou conta de todos nós, tendo em vista o que vem acontecendo na região, com assaltos, roubos e assassinatos. Por mais corajosos que possamos ser, a verdade é que ficamos hoje com medo de ir à praça com os filhos e netos. Estamos com medo de sair e até de ficar dentro de casa. Temos medo de andar de ônibus e medo de conduzir o próprio veículo. Ficamos com medo de ir e sair do banco e muito mais das lotéricas. Temos medo de andar na rua. Muito medo de andar à noite. Medo até de usar o celular em locais públicos. Medo de andar com dinheiro ou andar sem ele. Aquele que diz que não tem medo é porque ainda não foi atingido diretamente ou está por fora de tudo. Somos humanos e passíveis deste sentimento. Não é vergonhoso ter medo. Precisamos ter vergonha é de não cobrar das nossas autoridades e políticos mais segurança e justiça para termos uma vida tranquila e sem medo.

Preencha seu e-mail para receber novidades!

EXEMPLO A SER SEGUIDO

Muito se discutiu a respeito da falta de verbas do Poder Público para o carnaval. A Festa de Momo merece todo o nosso aplauso e consideração, porém precisamos colocar a mão na consciência para entender que existem coisas mais importantes que necessitam ser feitas por quem comanda os Estados e prefeituras. Falta dinheiro para a saúde, infraestrutura, educação, transportes e tudo mais. As escolas de samba precisam seguir o exemplo dos blocos como existem hoje em Laguna. De forma muito profissional seus proprietários trabalham o ano inteiro e conseguem o prestígio de grandes públicos, recebem verbas de patrocinadores e têm assim um belo lucro. Governos estaduais e municipais podem colaborar, mas de forma alguma cobrir todas as despesas para que as escolas possam desfilar. Em Laguna, mesmo assim, o prefeito Candemil limitou os gastos em R$ 450 mil.

CAMPANHA DA FRATERNIDADE

Com o tema “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida” e o lema “Cultivar e guardar a criação”, a CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) iniciou mais uma campanha, que neste ano tem a iniciativa de alertar para o cuidado da criação, de modo especial dos biomas brasileiros. A proposta é dar ênfase à diversidade de cada bioma e criar relações respeitosas com a vida e a cultura dos povos que neles habitam, especialmente à luz do Evangelho. A depredação dos biomas é a manifestação da crise ecológica, que pede uma profunda conversão interior. A Campanha da Fraternidade deste ano deseja, antes de tudo, que o cristão seja um cultivador e guardador da obra criada. Além de abordar a realidade dos biomas brasileiros e as pessoas que neles moram existe o desejo de despertar as famílias, a comunidade e as pessoas de boa vontade para o cuidado e o cultivo da Casa Comum.

Notas rápidas

  • No dia 27 de maio o município de Tubarão estará comemorando 147 anos de emancipação, e para comemorar a data a prefeitura pretende promover diversas atividades. Prefeito Joares Ponticelli nomeou um grupo de servidores, coordenado por seu chefe de gabinete, Laércio Menegaz, para definir a programação.
  • A atual administração de Tubarão com muita responsabilidade está respondendo aos questionamentos dos vereadores dentro do prazo regimental. De 42 pedidos até agora, 41 foram respondidos prontamente, e para um foi pedido mais prazo porque necessita de muitos documentos.
  • A SC Gás distribuiu em janeiro cerca de 48,9 milhões de m³. O valor total recebido pelo serviço de fornecimento foi de R$ 44,9 milhões, abrindo o ano de 2017 com um prejuízo operacional de R$ 1,52 milhão. Alguém vai ter que explicar a conta negativa.
  • Prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli, sancionou a lei que institui a Semana Municipal de Prevenção ao Suicídio, a ser realizada anualmente durante a semana do dia 10 de setembro, Dia Mundial da Prevenção ao Suicídio. Os objetivos são promover palestras, debates, cursos e pesquisas relacionadas à saúde mental, atividades físicas e de lazer.
  • Guarda municipal em Tubarão, Maciel Brognoli, que também é escritor e membro da Academia Tubaronense de Letras, nos mandou uma resenha de seu livro “O homem que fotografou Deus”. Agradecemos e nos colocamos à disposição de todos aqueles que desejarem divulgar suas obras.
  • Na Câmara de Tubarão o vereador Gilmar Negro Machado, o popular Cascão, pediu informações ao gerente de Trânsito e Mobilidade, Dionísio de Quadros, sobre o rateio dos recursos oriundos de multas aplicadas em motoristas de veículos automotores com os percentuais a cada entidade e os convênios firmados.
  • Hospital Senhor Bom Jesus dos Passos, em Laguna, elegeu dia 23 passado sua nova diretoria. Regina Ramos dos Santos, presidente, Gil Ungaretti Neto, vice, Maurício de Paula Carneiro, primeiro-tesoureiro, Porfírio Santos Gomes, segundo-tesoureiro, Marleni Preuss Cardoso, primeira-secretária, e Zeno Alano Vieira, segundo-secretário.
  • Bancada do PMDB na Câmara de Tubarão requereu ao presidente, Felippe Luiz Collaço, a realização no dia 5 de abril, uma quarta-feira, de sessão solene comemorativa a mais de meio século de fundação do partido, que tem hoje o maior número de filiados, de prefeitos e vereadores em todo o Brasil.
  • Prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli, confirmou que toda a Secretaria de Saúde funcionará em breve na rua Altamiro Guimarães, onde hoje está a loja Botega Materiais Elétricos. A Educação também funcionará na mesma rua, defronte ao Colégio Gallotti, antigo Lojão da Construção. Planejamento e Desenvolvimento Urbano irão funcionar no bairro Passagem, na rua Eugênia Reis Perito, e o Almoxarifado irá para a rua José Ferreira.

Frase: “Em uma briga, o rico tenta salvar a face. O pobre seu casaco.” Ditado russo.

Este artigo está em


Join the Conversation