Má administração – Arilton Barreiros

No Brasil inteiro, muito se comenta a divulgação do relatório final dos trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da previdência. De acordo com o relator, senador Hélio José (PROS-DF), a conclusão é de que a previdência social não é deficitária, mas, sim, alvo de má gestão. Conforme Hélio está havendo manipulação de dados por parte do governo, para que seja aprovada a reforma da previdência. Em 253 páginas, o relatório destaca que o maior e mais grave problema da previdência social vem da vulnerabilidade e da fragilidade das fontes de custeio do sistema de seguridade social. Ressalta que a lei, ao invés de premiar o bom contribuinte, premia a sonegação e até apropriação indébita com programas de parcelamento de dívidas. Instalada em abril, a CPI realizou 26 audiências públicas e ouviu mais de 140 pessoas. Agora é esperar para ver o que vai dizer e fazer o nosso todo poderoso governo.

Não dá pra acreditar

No encerramento da Semana Tubarão Rumo ao Lixo Zero foi feito um mutirão de limpeza nas margens do rio Tubarão e quase uma tonelada de resíduos e entulho foi recolhida. Vale destacar que, em fevereiro e maio deste ano, duas ações da mesma natureza foram também realizadas, e a quantidade de lixo despejada nas margens do rio foi absurda. Foram recolhidos restos de madeira, latas, papelão, equipamentos eletrônicos, calçados e até roupas. Infelizmente, temos muitas pessoas que não estão preocupadas com o futuro do planeta. Essas pessoas vão às igrejas, reclamam, com certeza, dos políticos, falam mal de Deus e do mundo. Sem escrúpulos e mal-educadas, deveriam estar presas pelo mal que fazem a todos nós. Mas não podemos apenas culpar quem mora em Tubarão. Muitos dos residentes ao longo do rio, desde sua nascente, também têm grande parcela de culpa. Denunciemos, pois, estes maus elementos.

Primeiro estado

Presidida pelo vereador José Luiz Tancredo (PSDB), a comissão criada na Câmara de Tubarão, que conta ainda com os edis Gilmar Negro Machado (PMDB) e Dorli Fernandes Rufino (PP), esteve ontem reunida com o vice-prefeito Caio Tokarski, devido à viagem do prefeito Ponticelli a Florianópolis, e apresentou o relatório referente ao Cemitério Municipal. Segundo José Luiz, Tubarão será a primeira cidade do Estado a apresentar um trabalho que ficará em consonância com o que determina a norma 335 do Conama, em relação aos cemitérios de todo o Brasil. O atual Cemitério Municipal de Tubarão tem quatro mil sepultados em 1.372 túmulos e poderá ser reaberto no início de 2018. Se tudo correr bem é possível que o cemitério central de Tubarão seja reaberto no primeiro semestre do próximo ano.

Notas rápidas

  • Levantamento feito na creche Joanna de Ângelis aponta uma previsão para fechar o ano com R$ 229.477,78. São encargos trabalhistas e sociais, 13º salário, férias e folhas de pagamento. Mais do que nunca, a sociedade tubaronense precisa participar da campanha “Padrinho Afetivo”. Interessados, ligar para a entidade.
  • Devido à chuva que ocorreu no último dia 7, a Combemtu resolveu alterar a data de realização de seu pedágio para o dia 11, sábado próximo. Os colaboradores da entidade estarão em cinco pontos da Cidade Azul, devidamente identificados. Colabore com a Combemtu, que precisa muito da ajuda de todos.
  • Governo de Santa Catarina enviou à Assembléia Legislativa o projeto de lei que transforma a Fundação do Meio Ambiente (Fatma) em uma autarquia. O novo órgão vai herdar servidores, estrutura e atribuições, com a promessa de maior autonomia. O nome também mudará para Instituto do Meio Ambiente.
  • Cartório de registro civil em Tubarão cobra R$ 22,76 por uma cópia da certidão de nascimento e não aceita cartão. Tem que ser no cheque ou dinheiro vivo. O pior é que ninguém se incomoda com isso. Como tem eleição no ano que vem, que tal os deputados serem cobrados sobre esses abusos?
  • Vereador Alexandre Moraes retornará no dia 13 ao cargo de secretário de Desenvolvimento Urbano, e acumulará a pasta de Urbanismo, Planejamento e Mobilidade da prefeitura de Tubarão. Com isto, o suplente Carlos Zamparetti voltará à Câmara de Vereadores.
  • Presidente do PT de Tubarão, Claudemir da Rosa, informou que em breve o partido começará os debates internos, objetivando definir o processo de escolha democrático e participativo dos candidatos para a eleição do ano que vem. Os nomes de Olávio Falchetti, do vereador Paulão e do advogado Matusa estarão na ordem do dia.
  • Como As sessões da Câmara de Tubarão têm terminado na madrugada do dia seguinte, o vereador Jairo Cascaes (PSD) sugeriu o horário das 17h para o início dos trabalhos. Caberá agora ao presidente Pepê Collaço colocar o assunto em discussão com a mesa diretora. É possível que ele acate a sugestão.
  • Novo gerente regional de Saúde, Everson Barbosa Martins, em entrevista à imprensa, declarou gratidão à lembrança de seu nome ao deputado estadual José Nei Ascari, com quem trabalhou muitos anos como coordenador regional de seu gabinete. Disse que é formado em gestão pública e que tudo fará para não decepcionar ninguém.
  • Vice-governador de SC, Eduardo Moreira (PMDB), ganhou no Tribunal de Justiça o direito de receber a pensão de ex-governador, só que limitada ao valor que recebem os titulares do cargo, cerca de R$ 15 mil. O pagamento estava suspenso devido a uma ação do deputado Padre Pedro (PT).
PUBLICIDADE

“Humorismo é a arte de fazer cócegas no raciocínio dos outros.” Leon Eliachar, jornalista e escritor carioca.

Este artigo está em

Join the Conversation