Grupo Chinês visitou município de São Martinho

Representantes de duas empresas chinesas que atuam no Brasil, inicialmente adquirindo proteína animal (frango), estiveram visitando o município de São Martinho no último domingo (13). Eles são oriundos da província Zhejiang, ao leste da China e que possui aproximadamente 54,4 milhões de habitantes (censo/2010), o que equivale a aproximadamente 3,94% da população total chinesa, que é a maior do mundo, com 1,3 bi de habitantes. Em Zhejiang os alimentos são distribuídos através de uma grande central de abastecimento, dessa forma é necessário que os produtos sejam buscados em todo o mundo, o Brasil é um destes países e que vem estreitando cada vez mais os laços com a China.

Fui procurada há aproximadamente dois meses para ajudar na aproximação do grupo com os frigoríficos locais, já que há intenções de compras e investimentos em todo o estado.”Sandra Feuser

Sandra é natural do município de São Martinho e segundo ela, o grupo já foi recebido na Secretaria Estadual da Agricultura, Assembleia, Prefeitura e Superintendência do Porto, em Itajaí e o governador de SC.

Outros produtos

Durante diálogos foi demonstrado muito interesse por outros produtos como a cerveja artesanal. São Martinho possui uma pequena fábrica, visitada pelos chineses na ocasião. Um estudo de preços baseado na aquisição de 24 mil garrafas por mês foi solicitado e o diálogo segue em andamento para que a compra inicial seja firmada.

Santa Catarina e a boa relação com a China

O principal destino para carne suína catarinense é a China, que ampliou o valor das importações em 232,6% em abril – em relação ao mesmo período de 2017. O país adquiriu 8,5 mil toneladas do produto por US$ 22,4 milhões. Aliás, a China vem se consolidando como o maior comprador de carne suína de Santa Catarina, só este ano foram 81,6 mil toneladas vendidas para o país asiático.

Em abril, Santa Catarina exportou 59,8 mil toneladas de carne de frango, gerando US$ 133,3 milhões em receitas. Uma retração de 28,6% na quantidade e de 7,3% no faturamento em relação ao mês anterior. Os principais destinos foram Japão, China e Países Baixos.
No acumulado do ano, o estado vendeu 91 mil toneladas de carne suína com receitas de US$ 193,2 milhões. Santa Catarina responde por 46,7% do total exportado pelo país em 2018.

Em nível nacional, as exportações cresceram 12,7% em relação a abril do ano passado, totalizando US$ 19,9 bilhões (valor que, associado às importações, deu origem a um superávit na balança comercial de US$ 6,1 bilhões).

Este artigo está em

Join the Conversation