Polícia Civil de Armazém prende em flagrante delito trio por tráfico de drogas e associação ao tráfico

Policiais civis da Delegacia de Polícia Civil do município de Armazém, sul do estado de Santa Catarina, prenderam em flagrante delito na noite de ontem (09), três rapazes acusados de guardar e vender maconha e cocaína na casa em que residiam, no bairro Vila José Nazário.

Após intenso trabalho investigativo, os investigadores da delegacia concluíram que o trio vendia drogas naquela residência. Foram abordadas duas pessoas que haviam recém saído do local. Com cada uma delas foi encontrada certa porção de cocaína. Ambas admitiram ter adquirido o entorpecente do trio. Assim, a Polícia Civil de Armazém se dirigiu até o referido local e prendeu os três traficantes, em ocasião que ainda foram encontradas mais drogas, dinheiro e sacos plásticos picotados, típicos para o embalo da droga.

Segundo um investigador, a cocaína estava também separada em três frascos distintos, pelos valores de R$ 20, R$ 30 e R$ 50, conforme o peso de cada porção.

O trio tem origem do município de Braço do Norte e estão em Armazém há poucos meses. A diligência foi exitosa após troca de informações importantes entre os investigadores da Polícia Civil e a Agência de Inteligência da Polícia Militar de Gravatal. No momento da prisão, um policial civil de São Martinho cooperou na diligência.

Os trabalhos de investigação e prisão foram coordenados pelos delegados Willian Meotti e Ricardo Chaves. A lavratura da prisão em flagrante foi presidida pelo delegado Marcelo Bitencourt. Após os procedimentos na delegacia de Armazém, o trio acusado de tráfico de drogas e associação ao tráfico foi encaminhado ao presídio de Tubarão.

O Poder Judiciário já determinou a prisão preventiva deles, ou seja, é indeterminado o prazo para que eles fiquem presos durante o processo.

Ainda em Armazém

Este artigo está em


Join the Conversation