Delegado titular assume a Comarca de Armazém

Após um período sem delegado titular na Comarca de Armazém, a realidade agora é outra com a nomeação de Eder Juliano Correa Matte. O novo delegado assumiu no dia três de janeiro de 2020 e quer trabalhar bastante pela Comarca de Armazém. A Comarca de Armazém abrange as cidades de Armazém, São Martinho e Gravatal.

Apesar de novo na função, o delegado Eder está bastante preparado para executar um excelente trabalho na Comarca, “assumi no dia três de janeiro de 2020 à Comarca de Armazém. Além da cidade de Armazém, respondo também por São Martinho e Gravatal. Sou natural do Rio Grande do Sul, me formei em direito na cidade de Erechim-RS, posteriormente fiz pós-graduação em direito penal, também fui Militar do Exercito Brasileiro no período de três anos, saindo do Exercito comecei a trabalhar no Ministério Público do Rio Grande do Sul, onde trabalhei por 15 anos como oficial. Após essas experiências, no dia três de junho do ano de 2019, comecei na Polícia Civil de Santa Catarina no cargo de delegado, onde fiquei por seis meses na academia em Florianópolis e logo após assumi a titularidade na Comarca de Armazém”.

A Polícia Civil do Estado de Santa Catarina é uma das polícias do estado de Santa Catarina, Brasil, órgão do sistema de segurança pública ao qual compete, nos termos do artigo 144, § 4º, da Constituição Federal e ressalvada competência específica da União, as funções de polícia judiciária e de apuração das infrações penais, exceto as de natureza militar, “a principal atividade da Policia Civil é a investigação, sempre que ocorre um crime e nós temos o conhecimento do mesmo, prontamente nós iniciamos a investigação, trabalhando para descobrir a autoria para assim solucionar a infração penal.” ressalta o delegado Eder Juliano.

Em muitos crimes a Policia Civil trabalha em conjunto com a população como afirma o novo delegado da Comarca, “A Polícia Civil, que irá fazer 208 anos no ano de 2020, trabalha em conjunto com a população que colabora ao passar a notícia de qualquer irregularidade. Estarei a disposição da população de Armazém, Gravatal e São Martino, do meio dia às 19 horas, aqui na delegacia de Armazém e aberto para receber a todos que necessitarem. Também é possível entrar em contato com a delegacia no telefone 3651-1889”.

Muitos crimes acontecem diariamente e muitos ficam impunes devido ao medo da denuncia ter represálias, porém segundo o delegado o sigilo será garantido, “é normal uma pessoa não fazer uma denuncia devido ao medo, posso garantir que nós trabalhamos com sigilo de informações e quem tiver qualquer tipo de informação verdadeira pode nos procurar que terá sigilo absoluto de sua identidade e não precisa ter medo”.

Os crimes acontecem em todos os lugares e na Comarca de Armazém não é diferente, “como já citei estou a pouco tempo a frente da delegacia de Armazém, mas a maioria das ocorrências envolvem crimes contra o patrimônio, violência doméstica e tráfico de drogas. Recentemente aconteceu uma tentativa de furto ao banco Cresol em Armazém, o qual chamou bastante atenção da equipe policial, pela audácia dos criminosos, entretanto, neste momento, não podemos passar mais detalhes para não atrapalhar as investigações”. Na data do dia 04/02/2020 deflagramos a Operação Integração a qual teve como início investigações de furtos em residência no Município de Gravatal. As investigações foram conduzidas pela equipe de policias da Delegacia de Gravatal com apoio das Agências de Inteligência da Polícia MIlitar de Gravatal e Tubarão. Como resultado da Operação foram apreendidos 100kg de maconha e um integrante da organização criminosa preso. O Delegado Éder ressalta a necessidade da integração de todas instituições de Segurança Pública para fins de combate a

criminalidade. Refere que nesta investigação a contribuição da Polícia Militar através de suas Agências de Inteligência, foi de extrema importância. Destaca que “juntos somos mais fortes”.

Todos sabemos que nem todas as polícias brasileiras tem o efetivo de policiais necessários, porém na Comarca de Armazém parece que a situação é diferente como afirma o delegado Eder Juliano, “estou a pouco tempo aqui, mas aparentemente o efetivo que possuímos supre a demanda e posso afirmar que nosso efetivo é muito qualificado”.

Todos os profissionais tem objetivos e com o delegado não é diferente, “pretendo trabalhar bastante tempo nesta comarca e tenho como por objetivo cumprir com todas as minhas tarefas e solucionar o maior numero de crimes que aparecerem, para entregar desta maneira um excelente trabalho para a população. Vale ressaltar que a população é muito importante para solucionarmos os crimes e tenho certeza que podemos contar com a população dessa Comarca para cumprir com a lei”.

Apesar de ser um trabalho com riscos, o delegado Eder Juliano deixa um recado para os jovens, “em primeiro lugar gostaria de pedir para todos cumprirem as leis para evitarem problemas futuramente. A respeito da profissão, ela tem os seus riscos sim, mas estar do lado da justiça e aplicar as leis é de grande valor ao próximo. É uma carreira muito bela e para chegar até aqui tem que estudar bastante e ter perseverança para realizar seus sonhos, muito obrigado”.

Com a titularidade de um delegado as cidades de Armazém, Gravatal e São Martinho ganham em muito com o fator segurança e desde já desejamos um excelente trabalho a Polícia Civil da Comarca de Armazém.

Este artigo está em

Join the Conversation