Atualizada: Agricultor sofre acidente com equipamento de moer cana em Armazém

Por volta das 18 horas desta quarta-feira (25/10), um agricultor da cidade de Armazém teve três dedos da mão direita amputados (dedo médio, anelar e mínimo) durante o manuseio de um equipamento para moer cana. A vítima teve a mão puxada em direção ao moedor no momento em que abastecia a máquina.

Informação publicada originalmente no site do jornal Notisul

Segundo informações do site do jornal Notisul, a vítima tem 62 anos, foi socorrida e encaminhada pelo filho ao Hospital Santo Antônio de Armazém, onde uma médica relatou que naquela ocasião, não haveriam procedimentos que pudessem ser realizados em sua mão. Dentro destas hipóteses, o filho o levou para o Quartel do Corpo de Bombeiros de Armazém, e no local, os bombeiros imobilizaram a mão e realizaram a limpeza do ferimento. Em seguida, o encaminharam ao Hospital Nossa Senhora da Conceição, de Tubarão. A vítima estava consciente e orientada no momento do socorro.

Atualização, em 27/10/2017 às 19h

Segundo uma fonte do Hospital Santo Antônio, o paciente foi levado à instituição por sua vizinha, no local, durante o atendimento, a vizinha entrou em contato com o filho da vítima. Ao chegar, os ferimentos já estavam higienizados e imobilizados, e segundo informações os dedos amputados foram levados logo em seguida, porém como não havia o que fazer, foram descartados. As informações são de que o raio-x foi recusado pelo filho da vítima, alegando não ser necessário, informado também que o mesmo assinou o termo de alta do paciente, o que comprovaria o atendimento do mesmo pelo HSA. A fonte cita ainda que o filho afirmou que levaria o pai por conta própria no HNSC – Hospital Nossa Senhora da Conceição de Tubarão.

Dados da mesma [fonte], porém não confirmados, são de que após recusar o atendimento a vítima foi levada ao Corpo de Bombeiros do município, o que demonstra o suposto outro lado da história.

 

Este artigo está em


Join the Conversation